5 dintre cei mai buni editori LaTex pentru Linux

5 dos melhores editores de LaTex para Linux

⌛ Reading Time: 4 minutes

Os processadores de texto são ótimos, mas também são muito simples. Eles são bons para escrever cartas ou ensaios, mas não são para documentos complexos – eles simplesmente não foram projetados para isso. O LaTeX, um sistema de preparação de documentos usado por cientistas e matemáticos, visa contornar o problema.

Em vez de depender de um software para formatar seu documento, a marcação LaTeX é usada, dando a você a oportunidade de introduzir elementos como equações matemáticas complicadas. Você pode fazer isso em um editor de texto simples e antigo como o Vim ou, se preferir que a formatação LaTeX apareça enquanto você escreve, um editor LaTeX.

Aqui estão cinco dos melhores editores de LaTeX que você pode usar se for um usuário Linux.

1. TeXmaker

Se você é um fã do GNOME e usa uma distribuição Linux como Ubuntu ou Debian, você deve considerar o TeXmaker. É um dos editores de LaTeX mais profissionais e conhecidos disponíveis no Linux.

Ele possui uma série de recursos projetados para tornar a experiência de design do LaTeX mais satisfatória para os usuários. Isso inclui recursos como verificação ortográfica e gatilhos de teclado, bem como suporte para dezoito idiomas. Se você quiser mudar do seu PC Linux para o seu Macbook, você conseguirá, graças ao suporte multiplataforma.

Você também pode visualizar documentos à medida que avança, graças a um visualizador de documentos PDF integrado ao programa.

2. LyX

Procurando uma ferramenta de edição de LaTex que se pareça muito com seu editor de texto favorito? LyX pode ser a escolha para você. Seu design simples e familiar torna a criação de documentos LaTeX fácil, onde a estrutura do seu documento tem prioridade.

Tela de edição de arquivo do Latex Lyx

Você define as regras para o seu documento, graças às ferramentas de formatação automática do LyX. Se você tiver gatilhos regulares (como certas palavras-chave ou títulos), você pode configurar o LyX para formatá-los automaticamente para você. Ele também vem com um tutorial útil para iniciantes e um manual extenso para ajudá-lo a se atualizar.

É um dos editores de LaTeX mais antigos e com mais suporte, em uso desde 1995.

3. Kile

Não há nada como um IDE simples, onde tudo, desde o seu código até os logs de saída, pode ser visto em uma janela. Com o Kile, é exatamente isso que você obtém.

Tela de edição de arquivos Latex Kile

Tudo foi projetado para tornar a criação de documentos LaTeX simples, mas está longe de ser básico. Você pode criar modelos para documentos, inserir imagens facilmente, fazer com que os comandos LaTeX se completem automaticamente para economizar tempo, bem como integrar seu documento ao BibTeX, uma importante ferramenta de referência acadêmica.

Você também pode visualizar seu trabalho à medida que avança, com um botão de destaque na barra de ferramentas principal que permite visualizar o documento como PDF.

4. TeXstudio

Os fãs do TeXmaker acharão o uso do TeXstudio uma experiência muito familiar. TeXstudio foi originalmente bifurcado do código TeXmaker em 2009 para ajudar a introduzir muitos novos recursos, mantendo a mesma interface.

Tela de edição Latex Texstudio

É exatamente isso que o TeXstudio oferece, com um sistema de templates e assistência integrada para a inserção de imagens e fórmulas, além de alguns dos recursos mais usuais como uma ferramenta de visualização de PDF. Você também tem destaque de sintaxe (um dos “novos” primeiros recursos introduzidos) para ajudá-lo a controlar a formatação do LaTeX conforme você avança.

Se você gosta do TeXmaker, mas está procurando por uma experiência LaTeX ajustada, o TeXstudio será mais adequado para você, graças a um conjunto mais amplo de opções para personalizar a IU e ferramentas de automação.

5. Gummi

A abordagem simples às vezes é a melhor. Essa é a abordagem que os desenvolvedores do Gummi pareciam ter em mente quando criaram este editor LaTeX amigável para iniciantes.

Tela de edição de arquivo Latex Gummi

Você obtém duas telas lado a lado com Gummi, uma para digitar seu código LaTeX, a outra para visualizá-lo enquanto você trabalha – nenhum esforço extra necessário. As visualizações ao vivo são o recurso de destaque do Gummi, especialmente se você estiver procurando por um editor básico que permite ver os resultados do seu trabalho em tempo real sem a necessidade de gerar a visualização você mesmo.

Ao contrário de alguns dos editores mais avançados, o Gummi não sobrecarrega você com recursos, mas isso não significa que esteja faltando. Você tem opções para criação de modelo e realce de sintaxe, bem como suporte para gerenciamento de projeto.

LaTeX no Linux: uma correspondência bem feita

Esses editores Linux LaTeX oferecem muitas opções quando se trata de criar documentos acadêmicos, seja qual for sua experiência. Se você preferir usar o mesmo editor em qualquer plataforma, pode sempre fornecer um editor online como Overleaf uma tentativa.

Você tem seu editor de LaTeX favorito que gosta de usar? Deixe-nos saber qual você acha que é o melhor nos comentários abaixo.