Como evitar problemas ao instalar o Windows 11

1643525536 Como evitar problemas ao instalar o Windows 11
⏱️ 12 min read

O Windows 11 é a próxima versão principal do sistema operacional de desktop que começará a ser implementado em dispositivos compatíveis em 5 de outubro de 2021. Como laptops e desktops que atendem aos requisitos mínimos receberão a nova versão como uma atualização gratuita, o processo exigirá reinstalação, o que significa que você deseja estar preparado para evitar erros e problemas antes de iniciar a instalação.

Embora seja recomendado instalar o Windows 11 para acessar todos os novos recursos, a interface redesenhada e aproveitar as melhorias de segurança mais recentes, o processo também pode levar a problemas indesejados. Além disso, durante os primeiros dias do lançamento, são esperados erros e bugs inesperados, pois construir um sistema operacional que será executado em muitas configurações de hardware é muito desafiador.

Neste guia, você aprenderá algumas dicas para evitar problemas e erros durante a instalação do Windows 11.

Verifique a compatibilidade do Windows 11

Embora o Windows 11 seja oferecido como uma atualização gratuita para dispositivos que já executam o Windows 10, nem todos os computadores poderão atualizar porque os requisitos do sistema foram alterados. Como resultado, para evitar problemas, você deseja certificar-se de que a configuração de hardware do computador atende aos requisitos mínimos antes de tentar atualizar.

Estes são os requisitos mínimos de hardware do Windows 11:

  • Processador: CPU ou System on a Chip (SoC) de 1 GHz ou mais rápido com dois ou mais núcleos.
  • RAM: 4GB.
  • Armazenar: 64 GB (mínimo).
  • Firmware do sistema: UEFI, compatível com inicialização segura.
  • TPM: Trusted Platform Module (TPM) versão 2.0.
  • Gráficos: DirectX 12 (mínimo) com driver WDDM 2.0.
  • Resolução de vídeo: Tela de alta definição (720p) maior que 9″ na diagonal, 8 bits por canal de cor.
  • Rede: Conta da Microsoft e conectividade com a Internet necessárias para a configuração do Windows 11 Home.

Conforme observado nos requisitos, o Windows 11 requer um Trusted Platform Module (TPM) versão 2.0. Sem ele, você não poderá atualizar por meio do Windows Update. Você pode usar estas etapas para verificar e habilitar o módulo em seu computador. Além disso, a nova versão precisa ter o Secure Boot ativado nas configurações UEFI da placa-mãe.

O Windows 11 não será compatível com todos os processadores. Por exemplo, a nova versão suportará processadores Intel Core 8th Gen e superiores, além de alguns processadores Pentium, Atom, Celeron e Xeon. Se você for AMD, o Windows 11 suportará apenas o Ryzen de segunda geração (incluindo Threadripper) e processadores mais recentes, juntamente com algumas CPUs EPYC e Athlon. Quanto ao suporte ARM, a nova versão do Windows suportará Qualcomm Snapdragon 850, 7c, 8c, 8cx primeira e segunda gerações, e Microsoft SQ1 e SQ2.

Se você possui um processador Intel de 7ª geração, provavelmente não terá sorte. No entanto, você poderá instalar o Windows 11 se o dispositivo tiver o chip 7820HQ. Além disso, os processadores Intel Core X e Xeon W serão suportados, mas somente se o dispositivo tiver drivers Declarative, Componentized, Hardware Support Apps (DCH).

Se o computador não atender aos requisitos mínimos, você ainda poderá atualizar, mas por sua conta e risco usando o arquivo ISO ou a Ferramenta de criação de mídia. No entanto, desde que o dispositivo inclua um processador de 64 bits com pelo menos dois núcleos, 4 GB de RAM, 64 GB de armazenamento e um chip TPM 1.2 habilitado.

A ressalva é que a instalação não será suportada, de modo que você não receberá atualizações de segurança ou de driver. Não haverá nenhuma garantia de estabilidade, nem você receberá suporte da Microsoft.

Se você não tiver certeza de que o computador possui esses componentes necessários, poderá usar o aplicativo PC Health Check ou uma ferramenta de terceiros conhecida como WhyNotWin11 para determinar se o dispositivo pode executar o Windows 11.

Instale o Windows 11 por meio do Windows Update

O Windows 11 oferece vários métodos de atualização, mas o método preferencial é usar o Windows Update para baixar e instalar a nova versão manualmente. Normalmente, durante os primeiros dias de uma versão, não é recomendável apressar a atualização porque ela ainda pode não ser totalmente compatível com seu computador. Isso não é um segredo, e é uma das razões pelas quais a Microsoft lança grandes atualizações em faces e coloca retenções temporárias em certos dispositivos para evitar problemas.

Se você deseja atualizar com o Windows Update assim que o Windows 11 estiver pronto, abra Configurações > Atualização e segurança > Atualização do Windows e Clique no Verifique se há atualizações botão. Na notificação “A atualização para o Windows 11 está pronta – e é gratuita”, clique no botão Baixar e instalar botão.

Notificação de atualização do Windows 11 (Fonte: Microsoft)

Se o seu computador não estiver vendo a nova versão, o motivo pode ser que ele ainda não está pronto para o seu dispositivo ou a configuração do hardware não atende aos requisitos mínimos. Você pode usar formas alternativas de atualização, incluindo o “Assistente de atualização” ou a “Ferramenta de criação de mídia”. No entanto, se a atualização não estiver disponível primeiro pelo Windows Update, você provavelmente terá problemas.

Para evitar erros e outros problemas, você deve esperar vários meses antes de atualizar, a menos que a nova versão inclua algo que você precise. Se você não puder esperar, confira as dicas abaixo para minimizar os problemas ao tentar instalar a nova experiência do Windows.

Faça backup do sistema e dos arquivos atuais

Antes de atualizar para o Windows 11 a partir do Windows 10, um backup completo é a etapa mais importante, pois pode ajudar a recuperar arquivos ou todo o sistema em caso de problemas. Você sempre deve reservar um tempo para criar um backup completo antes de qualquer instalação para ter uma maneira de reverter para uma versão anterior se algo der errado.

Backup completo antes da atualização do Windows 10
Backup completo antes da atualização do Windows 10

O processo de atualização para uma nova versão do Windows ocorre sem problemas, e o sistema possui um mecanismo para reverter se houver algum problema durante a instalação. No entanto, também é recomendável criar um backup caso algo falhe. Pelo menos, você deve criar um backup de arquivo para proteger suas fotos, vídeos e outros arquivos.

Evite problemas de armazenamento durante a atualização do Windows 11

O Armazenamento Reservado é um recurso desenvolvido para separar antecipadamente parte do armazenamento disponível do sistema para processar atualizações. No entanto, ainda há chances de você encontrar problemas de armazenamento ao tentar concluir a atualização do Windows 11, mesmo quando o recurso está habilitado. Por exemplo, você pode ver a mensagem de erro 0x80070070 – 0x50011, 0x80070070 – 0x50012 ou 0x80070070 – 0x60000.

Problemas de armazenamento são comuns em computadores com capacidade limitada de disco rígido. Você pode evitar problemas garantindo que ele tenha pelo menos 64 GB de espaço disponível para download e instalação.

Se o dispositivo não tiver espaço suficiente, use o aplicativo Configurações para excluir arquivos temporários e outros arquivos desnecessários. Você também pode conectar uma unidade flash USB vazia com pelo menos 8 GB de espaço de armazenamento para usar como armazenamento temporário para realizar a atualização.

Sentido de armazenamento do Windows 10 antes de 21H1
Sentido de armazenamento

Repare o Windows Update para baixar o Windows 11

Embora possa levar algum tempo até que um dispositivo receba a oferta de atualização do Windows 11 automaticamente por meio do Windows Update, às vezes, o mecanismo de atualização não funciona conforme o esperado e pode ser o motivo pelo qual a nova versão não está disponível.

Se você estiver lidando com problemas do Windows Update, poderá redefinir os componentes do sistema para resolver as atualizações travadas ao tentar fazer o download. Se você não conseguir corrigir o problema, a ferramenta “Update Assistant” pode ser uma abordagem alternativa para instalar o Windows 11 depois que ele estiver disponível.

Remova os blocos para baixar o Windows 11

Se o computador foi configurado anteriormente para adiar atualizações usando as configurações de Política de Grupo, o Windows 11 não será baixado por meio do Windows Update até que você remova o bloqueio. Você pode consultar este guia para reverter as alterações.

Uma conexão limitada também pode bloquear a instalação da atualização do Windows 11. Se você tiver uma conexão com ou sem fio definida como medida, poderá remover o bloqueio do Configurações > Rede e Internet > Wi-fi (ou Ethernet), selecionando a rede e desabilitando o “Definir como conexão limitada” interruptor.

Windows 10 desabilita a conexão limitada para atualização
configurações de conexão limitada

Desinstale aplicativos não essenciais para evitar problemas

Normalmente, softwares de segurança de terceiros podem causar problemas de instalação. Se você tiver um antivírus (diferente do Microsoft Defender Antivirus) ou outro tipo de software de segurança, deverá desativá-los ou desinstalá-los temporariamente antes de atualizar para o Windows 11. Os aplicativos projetados para versões mais antigas do sistema operacional também podem causar problemas. Se você suspeitar que um aplicativo pode causar um problema, é melhor removê-lo. Você pode reinstalá-lo após a instalação.

Você pode desinstalar programas de segurança de Configurações > Aplicativos > Aplicativos e recursos, selecione o aplicativo, clique em a Desinstalar botão e siga as instruções na tela.

Windows 10 desinstala aplicativos incompatíveis
Windows 10 desinstala aplicativos incompatíveis

Evite problemas de configuração após a instalação do Windows 11

Às vezes, o processo de instalação pode redefinir algumas de suas configurações anteriores, como aplicativos padrão, configurações de privacidade e muitas outras. Se você tiver configurações específicas, observe as configurações antes de atualizar para o Windows 11. Se algo mudar durante o processo, você poderá reafirmá-las posteriormente.

Página inicial do aplicativo de configurações do Windows 10
Configurações do Windows 10

Desconecte periféricos não essenciais para evitar problemas

Dispositivos de armazenamento (como unidades flash USB e discos rígidos externos), impressoras e câmeras conectadas ao laptop ou computador de mesa podem causar erros e outros problemas durante o processo de instalação. Isso significa que é melhor desconectar todos os periféricos para evitar muitos problemas ao instalar o Windows 11. Você só precisa de um monitor, teclado e mouse e uma conexão com a internet.

O Bluetooth também pode causar problemas. Se você tiver um dispositivo usando esta tecnologia sem fio, desative-o antes de atualizar do Configurações > Dispositivos > Bluetooth e outros dispositivos e desligando o Bluetooth interruptor.

Corrigir erros de atualização do Windows 11

Se você tomou todas as precauções, seguiu as etapas de instalação corretamente e o dispositivo ainda apresenta problemas, provavelmente você não é o único com o mesmo problema. Nessa situação, você deve pesquisar o erro online para determinar se outras pessoas estão tendo o mesmo problema e uma solução alternativa.

A Microsoft publicará tais informações, status e possíveis soluções no Site do painel de integridade do Windows 11 quando é um problema conhecido.

Além de erros e bugs inesperados com o Windows 11, há vários problemas conhecidos (não considerados bugs) que podem ocorrer durante o processo de atualização de qualquer versão do Windows. Por exemplo, um código de erro que começa com 0xC1900101 (por exemplo, 0xc1900101 – 0x20004, 0xc1900101 – 0x2000c, 0xc1900101 – 0x20017, 0xc1900101 – 0x30018, 0x30018, 0xc1900101 – 0x3000d, 0xc1900101 – 0x4000d, 0x4000d, 0x40017) é tipicamente um erro de motorista.

Se você vir um erro 0xC1900208 – 0x4000C, significa que um aplicativo é incompatível com a atualização. 0x80070070 – 0x50011 (0x50012 ou 0x60000) é outro erro comum e normalmente significa que não há espaço suficiente para concluir a atualização.

Atualize para o Windows 11 manualmente

Quando o problema é o seu dispositivo e não a nova versão do Windows, a melhor maneira de minimizar os problemas é realizar uma instalação limpa do Windows 11, redefinir as configurações, reinstalar os aplicativos e restaurar os arquivos do backup.

Em vez de uma instalação limpa, você também pode tentar uma atualização in-loco usando a Ferramenta de criação de mídia para preservar seus aplicativos, configurações e arquivos.

Uma atualização in-loco é um processo direto. Você só precisa baixar o Ferramenta de criação de mídia da Microsoft, inicie a instalação e use o Atualize este PC agora opção. Em seguida, selecione a opção de manter seus arquivos e aplicativos e continue com as instruções na tela.

Se você não estiver pronto para o Windows 11, não precisará fazer nada para bloqueá-lo, pois está disponível apenas como uma atualização opcional. No entanto, se você acabar atualizando, mas estiver causando problemas, sempre poderá remover e reverter para a versão anterior.

How useful was this post?

Click on a star to rate it!

Average rating 0 / 5. Vote count: 0

No votes so far! Be the first to rate this post.

Você pode gostar...